Aluno de RTVI da AESO-Barros Melo faz sucesso na internet


Rádio, TV e Internet
janeiro. 11, 2017

Com o projeto Brasileiríssimos, Josué Veloso se juntou à parceiros e busca enaltecer a cultura popular brasileira

Em meados de 1990, aqui no Brasil, um novo mundo começa a se desenvolver, capaz de modificar uma geração: a internet. Seguindo em movimento crescente, o universo cibernético se tornou um lugar de produzir todos os tipos de conteúdos, estabelecer relações e comunicar. Palco de diversos produtos inovadores, hoje abriga a página Brasileiríssimos, que arrasta 8,5 milhões de fãs.  Uma das mentes brilhantes que está por trás desse grande sucesso é Josué Veloso, aluno do curso de Rádio, TV e Internet das Faculdades Integradas Barros Melo (AESO). Sempre atento às tecnologias e amante da cultura, teve no curso da faculdade um incentivo para seguir os seus sonhos.

Disseminar, inovar e exibir, são sinônimos que juntos compõem a página do Facebook “Brasileiríssimos”. Criada em 2012 com o objetivo de divulgar e enaltecer a cultura popular brasileira, tornou-se um ícone do mundo cibernético. Josué Veloso iniciou seus trabalhos em 2013 como social mídia e, desde então, sua carreia decolou. Atual coordenador do projeto, ele acredita que a graduação foi essencial “O conhecimento me salvar nas urgências quando não posso contar com um fotógrafo ou filmmaker, por exemplo. Pela aprendizagem técnica do curso, consigo me virar nessas áreas”, comenta. Artistas de renome já apareceram na página para dar entrevistas, fazer lançamentos de discos ou até para externar o reconhecimento ao projeto, como Maria Rita, Lenine, Nando Reis, Paralamas do Sucesso, Tiago Iorc, O Rappa, Maria Gadú, Elza Soares, etc.

Pra saber um pouco mais sobre a trajetória de Josué, a AESO-Barros Melo conversou com o produtor, confira:

AESO: Como surgiu a ideia de montar a página do Brasileiríssimos?

Josué: Não sou o criador da página. Ela foi criada no intuito de divulgar e enaltecer a cultura brasileira. Na época, em meados de 2012, não tinha nada que fazia isso no Facebook. Acredito que foi o grande ponto de todo o projeto. Esse ineditismo.

AESO: Em que a graduação te ajudou a tocar esse projeto?

Josué: Fiz Rádio, TV e Internet e acredito que por ser na área de comunicação, o curso tenha me ajudado bastante na relação com as pessoas. Na questão técnica e mais específica do curso, sempre me salvo nas urgências quando não posso contar com um fotógrafo ou filmmaker, por exemplo. Pela aprendizagem técnica do curso, consigo me virar nessas áreas

AESO: Você esperava essa visibilidade?

Josué: É muito louco. Até hoje não faço noção da grandiosidade do projeto. Sempre me impressiono quando um artista (até de renome mesmo) chega e reconhece o trabalho, sabe? É bem incrível. Acredito que isso recompensa o esforço.

AESO: Quais são as suas metas?

Josué: Isso de meta é complicado, pois trabalho com metas diárias. As coisas vão acontecendo de repente. Em 2017 a ideia é trabalhar o Garimpo, selo musical que lançamos. De forma bem sintética: sair mais das redes, realizar mais ações offlines e trabalhar mais a marca fora da internet.

AESO: Vocês já lançaram algum artista?

Josué: Temos alguns cases de artistas que 'surgiram' lá no Brasileiríssimos. Anavitória é o mais recente. Nós que publicamos o vídeo que deu um boom na carreira delas: https://www.facebook.com/br4sileirissimos/videos/913622252059658/

AESO: Como é o dia do trabalho?

Josué: O dia de trabalho é uma loucura. Tanto faz trabalhar 2h ou 14h por dia. Mas geralmente é tranquilo, consigo ter um controle e liberdade maior por ser home office.

AESO: Vocês tem uma redação?

Josué: Não, não temos redação. Todos os colaboradores trabalham de casa mesmo. Eu não sei se seria uma lógica que funcionaria para o Brasileiríssimos, sabe? Não vejo necessidade em fazer Jornalismo dessa maneira.

aeso - barros melo - alunos no mercado - brasileiríssimos -

voltar