Português/Aeso é bi do Brasileiro Infantil feminino



Equipe pernambucana venceu o Pinheiros/SP, por 21x16, em final realizada neste domingo (23)

O Clube Português/Aeso conquistou, de forma invicta, o bicampeonato brasileiro feminino de clubes na categoria Infantil, neste domingo (23), na cidade de Tubarão, em Santa Catarina. As lusinhas, comandadas pelo técnico supercampeão Cristiano Rocha, não tiveram dificuldades em vencer o todo-poderoso Pinheiros/SP na final e levantaram a taça após ganhar de 21x16.

Além de conquistar o Nacional pela segunda vez, a primeira foi em 2015, o Português/Aeso ainda terminou com três jogadoras na seleção da competição, sendo elas a central Eduarda Borges, a ponta esquerda Alícia Marques e a pivô Helen Carina. O Torres, do Rio Grande do Sul, ficou com a medalha de bronze.

O Português/Aeso venceu os cinco jogos que disputou, sendo duas vitórias sobre o Pinheiros, na primeira fase, por 18x17, e na final. Além disso, o time luso ainda goleou o Mato Grosso/MT por 31x17, o Mogiano/SP por 19x14 e despachou o Castro Alves/ES, por 16x13. “Foi um Brasileiro no qual conseguimos impor nosso ritmo de jogo desde o início da competição. Este é um grupo muito forte e que estamos preparando para chegar bem na categoria Adulto. É um trabalho que começa na categoria Cadete e que vai até a Adulto. A maioria dessas meninas permanece no projeto até o fim, o que contribui muito para nossa hegemonia no Norte/Nordeste e crescimento em âmbito nacional”, declarou Cristiano Rocha.

Sobre o Brasileiro, o treinador foi enfático. “Existiam dois clubes muito fortes e que eram considerados favoritos, que era o Castro Alves e o Pinheiros. Vencemos os dois com atuações muito boas. Acredito que, apesar de ainda precisar corrigir muita coisa, esse grupo amadureceu rápido e entendeu que no Brasileiro se a gente não der o máximo dentro de quadra, não chegamos ao título”, finalizou. No Brasileiro Infantil masculino, o Português/Aeso terminou em quinto lugar geral.

voltar