AESO promove debate sobre Direitos Humanos e Democracia com fotógrafo italiano


Artes Visuais
novembro. 13, 2017

Diego Di Niglio também é diretor do filme Aurora 1964

No próximo dia 14 de novembro, as Faculdades Integradas Barros Melo, em parceria com os cursos de Artes Visuais, Cinema e Audiovisual, Design Gráfico, Direito e Fotografia, promovem o Debate “Direitos Humanos e Democracia”, às 09h30, no Cineteatro da instituição. O evento é gratuito e aberto ao público. 

Para o encontro, a faculdade recebe o fotógrafo italiano e diretor do longa metragem Aurora 1964, Diego Di Niglio; o fotógrafo, professor e diretor de fotografia do filme, Mateus Sá; e a ex-integrante da Comissão Estadual da Memória e Verdade Dom Helder Câmara e personagem do “Aurora”, Nadja Brayner.

Voltado para alunos da instituição e demais interessados, o evento busca fomentar um debate acerca da ditadura militar e da democracia no país. “É papel das Instituições de Ensino Superior participar da construção de uma cultura de promoção, proteção, defesa e reparação dos direitos humanos, fundamental para contínua consolidação do Estado Democrático.  Nesse contexto, nada mais pertinente que debater iniciativas que reverberam a apuração de graves violações aos Direitos Humanos, como as investigadas pelas Comissões da Memória e Verdade.", comenta o professor André Aquino, um dos organizadores do evento. 

Aurora 1964 - O documentário foi rodado entre abril de 2015 e dezembro de 2016, em Pernambuco, e é a estreia de Di Niglio no audiovisual. O filme é resultado de quatro anos de pesquisa nos arquivos do DOPS-PE e investigações na Comissão Estadual da Memória e Verdade Dom Helder Câmara, além das memórias orais e dos acervos particulares de pessoas que vivenciaram a época da ditadura. 

aeso - barros melo - palestra - direito - cinema - Dia Mundial da Fotografia - direitos humanos - democracia - artes -

voltar