Flavio Ferrari lança turnê do primeiro álbum, no Recife


Produção Fonográfica
dezembro. 04, 2019

Disco conta com sete faixas e participação da cantora Ana Vilela

2019 termina com gosto de realização para Flavio Ferrari. E a promessa é que 2020 seja um ano de muito trabalho. O músico, de 22 anos, graduando em Produção Fonográfica, na AESO-Barros Melo, acaba de lançar o primeiro álbum da carreira, intitulado Flavio Ferrari, e já colhe os frutos, com boa recepção do público. As faixas estão disponíveis, em todas as plataformas digitais, desde o dia 22 de novembro, e, nesta sexta-feira (6), acontece o primeiro show da turnê, no Recife, às 21h, no Auditório Brum, no Centro de Convenções. 

OUÇA AQUI

A expectativa para o momento é grande, já que este é o projeto mais profissional do artista, e, também, o que contou com mais investimento. “A resposta do lançamento da internet já está sendo muito boa, e eu estou muito ansioso para encontrar o público pessoalmente. Acho que vai ser muito especial”, celebra. Em breve, o álbum vai ganhar versão física, em CD, e rodar mais cidades do país. Brusque e Itajaí, em Santa Catarina, são as próximas, dias 14 e 19 de dezembro, respectivamente. “Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Goiânia são cidades que têm um público legal para o meu tipo de música e também vamos tentar chegar por lá”, afirma o cantor.

O álbum Flavio Ferrari foi feito por meio de financiamento coletivo. O músico conseguiu arrecadar 13 mil reais pelo site e outros canais. E, segundo ele, o trabalho é fiel ao perfil dele, que se define como folk pop. “Tem muito de voz e violão, essa pegada acústica. O álbum conta muito do que eu sou. Ele me representa 100% hoje”, diz. 

A música de trabalho, “Nossa Dança”, tem participação de Ana Vilela e deve ganhar um videoclipe em breve.  Prestes a receber o diploma de produtor fonográfico, Flavio se envolve em todos os detalhes.  “Eu acho muito importante o artista ser completo. Entender além da parte da performance e captar todo o processo ao redor. Saber quem precisa contratar, o que cobrar desse profissional. Para mim, que estou começando, é essencial”, ressalta ele, que acaba se virando e fazendo muita coisa por conta própria.

MAIS MÚSICA

Antes deste álbum, Flavio Ferrari lançou dois EPS na internet. Um deles, chamado Saudade, foi gravado no estúdio da AESO-Barros Melo, pelo Edital Criativo da faculdade.

O artista toca violão desde os nove anos de idade, e, aos 14, passou a estudar canto. Em 2016, começou a escrever as próprias músicas. No ano seguinte, decidiu lançar uma carreira autoral. Desde 2018, estreia oficial do trabalho, ele foi ouvido por mais de 68 mil pessoas no Spotify, totalizando cerca de 165 mil plays em suas músicas.

produção fonográfica - música - flavioferrari -

voltar